TSE anula multa aplicada a Palocci por propaganda irregular

Parlamentar afirma que, ao receber comunicado da Justiça Eleitoral, promoveram a retirada da propaganda

25 Setembro 2007 | 20h50

O ministro Caputo Bastos, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), aceitou recurso dos deputados federal Antônio Palocci Filho (PT-SP) e estadual Ênio Francisco Tatto (PT-SP), eleitos em 2006. Eles foram denunciados pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) por suposta propaganda irregular, em Representação julgada procedente pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP).  Em recurso, os parlamentares alegaram que, ao receber o comunicado da Justiça Eleitoral, promoveram a retirada da propaganda dos cavaletes descritos na acusação do Ministério Público.

Mais conteúdo sobre:
PalocciTSE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.