Reprodução
Reprodução

TSE alerta para emails falsos com vírus em época de eleição

Mensagens que solicitam regularização do título de eleitor devem ser ignoradas, segundo o órgão

O Estado de S. Paulo

21 de agosto de 2012 | 12h26

SÃO PAULO - Os eleitores que receberem um email em nome do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedindo que a situação do seu título seja regularizada deve ignorar a mensagem. Trata-se de uma correspondência falsa e carregada de vírus, segundo o órgão.

 

O TSE informou que desde o início do mês vem recebendo ligações de eleitores que receberam as mensagens falsas. Segundo o tribunal, os hackers se aproveitam da proximidade das eleições - que ocorrerão no dia 7 de outubro - para enviar os emails.

 

As mensagens falsas alertam que o título eleitoral foi suspenso, mesmo sem mencionar os motivos da suspensão, e pede que o eleitor clique em links que teoricamente levaria a documentos. O texto tem, inclusive, erros de português.

 

"A Central do Eleitor tem por finalidade servir de canal de comunicação direto e efetivo entre o cidadão e o Tribunal Superior Eleitoral. E viemos informa-lo que seu título de eleitor encontra-se em situação: Suspensa. Para a regularização siga as instruções contida neste Email. Os questionamentos encaminhados, via formulário da Central do Eleitor, serão respondidos em até 2 (dois) dias úteis. Agradecemos sua contribuição e colocamo-nos à disposição" [sic], diz a correspondência.

 

O TSE lembra que não faz contato por email e orienta os eleitores que receberem as mensagem a ignorá-las. Quem quiser saber de pendências, regularizar a situação do seu título ou solicitar a segunda via deve comparecer pessoalmente aos cartórios eleitorais.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.