Tropas federais reforçam segurança no Pará

Ação ocorre após confronto entre sem-terra e seguranças de fazenda, que deixou oito feridos no sábado

Solange Spigliatti, do estadao.com.br

22 de abril de 2009 | 12h47

Cerca de 30 homens da Força Nacional de Segurança serão enviados a Xinguara, no sul do Pará, para ajudar as polícias civil e militar do Estado a manter a segurança na região, onde ocorreu o confronto entre sem-terra e seguranças da Agropecuária Santa Bárbara, deixando oito pessoas feridas no último sábado, 18.

 

Segundo nota do governo do Pará, foi solicitado ao Governo federal, no último dia 2, que os integrantes da Força Nacional, que já estavam no Estado desde o Fórum Social Mundial, permanecesse por mais 60 dias, até o final de maio, quando se realiza no Pará um evento internacional na área da educação.

 

Segundo a Secretaria de Segurança do Estado, a data para a chegada da Força Nacional não será divulgada por motivos de segurança. Os 30 policiais ajudarão a manter a ordem na região, enquanto a tropa especializada em conflitos agrários realizam as reintegrações.

 

De acordo com a nota, em relação à Fazenda Espírito Santo, onde ocorreu o confronto, a nota confirma que "não existe, até o momento, mandado de reintegração".

 

Segundo nota do governo, as ações de reintegração foram reiniciadas em abril, "havendo executado, exitosamente, nove reintegrações nos últimos 15 dias. E continua suas ações, conforme planejamento pactuado com o Judiciário".

Tudo o que sabemos sobre:
Sem-terraPará

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.