Tribunal manda notificar Lula e Dilma sobre ação

O ministro Arnaldo Versiani, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mandou notificar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a ministra Dilma Rousseff, para que, se quiserem, apresentem defesa em relação a uma representação do DEM e do PSDB. Os dois partidos acusam Lula e Dilma de fazer propaganda eleitoral antecipada. Segundo DEM e PSDB, Lula fez sucessivas citações a Dilma em encontro de prefeitos promovido pelo governo em Brasília no início do mês. Os partidos querem que os dois sejam punidos com multa. O despacho de Versiani foi assinado há uma semana, mas por causa do carnaval, o prazo de 48 horas para apresentação da defesa a partir da notificação, foi prorrogado. O TSE e o Palácio do Planalto não informaram ontem se Lula e Dilma já haviam sido notificados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.