Tribunal divulga lista suja de prefeitos de AL

O Tribunal de Contas de Alagoas divulgou uma lista com os nomes de 39 prefeitos e presidentes de Câmaras Municipais que tiveram suas contas rejeitadas por irregularidades comprovadas durante inspeções in loco, realizadas pelos técnicos do TCE entre 2003 e 2008. No mesmo período, foram aplicadas a gestores estaduais e municipais 1.183 multas. Segundo o tribunal, as irregularidades mais comuns foram: compras sem licitação, aplicação errada do porcentual determinado por lei para setores básicos como saúde e educação, além de desvios de recursos do fundo previdenciário.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.