TRF-3 nega pedido de habeas-corpus de Marcos Valério

Operação prendeu 17 pessoas e investigou apropriação indevida de dinheiro apreendido durante operação

Andréia Sadi, do estadao.com.br

04 de novembro de 2008 | 15h08

O Tribunal Regional Federal da 3ª Região negou pedido de habeas-corpus ao empresário Marcos Valério, que foi preso pela Polícia Federal na Operação Avalanche. Ao estadao.com.br, a assessoria do órgão confirmou a recusa do desembargador Luiz Stefanini, mas não soube dar mais informações.   Valério teve a prisão temporária convertida em preventiva no mês passado e está na Penitenciária II de Tremembé, na região do Vale do Paraíba, em São Paulo.   A Operação Avalanche foi deflagrada pela polícia em 8 de outubro, quando nove prisões temporárias e oito preventivas foram decretadas, entre elas a de Valério, réu no caso do mensalão. As investigações tiveram início em 2007, para avaliar inicialmente a apropriação indevida de dinheiro apreendido durante operação de fechamento de bingos e que culminou com a descoberta de diversos outros crimes.

Tudo o que sabemos sobre:
Marcos Valériohabeas-corpus

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.