Três ex-prefeitos são acusados por fraude

O Ministério Público Federal no Pará denunciou à Justiça três ex-prefeitos - de Anapu, Novo Repartimento e Pacajá - por participação na máfia dos sanguessugas, esquema de desvios na área da saúde. Se condenados, eles poderão receber pena de até 12 anos de prisão e ficar impedidos de exercer cargo público, entre outras punições.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.