TRE-SP indefere candidatura a vereador do filho de Lula

TRE citou, por meio de nota, que Constituição diz ser inelegíveis parentes do presidente, mesmo por adoção

CAROLINA RUHMAN, Agencia Estado

21 de agosto de 2008 | 19h31

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) manteve o indeferimento do pedido de registro de candidatura a vereador de Marcos Cláudio Lula da Silva (PT), filho do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que concorreria em São Bernardo do Campo. A Justiça Eleitoral já havia impugnado a candidatura de Marcos, que recorreu ao TRE. Cabe agora recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).De acordo com a assessoria do tribunal, a candidatura foi indeferida por parentesco. Marcos é filho do primeiro casamento da primeira-dama Marisa Letícia e foi adotado por Lula. O TRE citou, por meio de nota, o parágrafo 7º do artigo 14 da Constituição, que diz que inelegíveis parentes do presidente, mesmo por adoção.

Tudo o que sabemos sobre:
TREimpugnaçãoSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.