TRE: processo contra Tiririca pode ser concluído hoje

O processo para comprovar se o deputado federal eleito Francisco Everardo Oliveira Silva, o palhaço Tiririca (PR) - o mais votado por São Paulo, com um total de 1,353 milhão de votos -, é alfabetizado pode ser concluído ainda hoje. A informação foi dada pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), Walter de Almeida Guilherme.

ANNE WARTH, Agência Estado

11 de novembro de 2010 | 14h08

A audiência para a avaliação ocorre hoje no TRE-SP com a presença do deputado, seu advogado, Ricardo Porto, o juiz Aloísio Silveira e o promotor Maurício Lopes, que abriu processo contra Tiririca pela suspeição de que a declaração em que afirmou ser alfabetizado para concorrer ao cargo de deputado tenha sido preenchida por outra pessoa.

Tiririca chegou ao TRE-SP por volta das 9h20 de hoje e deixou o tribunal por volta das 12h40, sem falar com os repórteres que fazem plantão no local. A assessoria de imprensa do tribunal informou que houve uma pausa para almoço e a audiência seria retomada às 14 horas.

Não foi divulgada nenhuma informação a respeito do teste que o deputado pode fazer para a coleta de material gráfico que confronte a sua caligrafia com o texto do documento entregue à Justiça Eleitoral. O presidente do TRE-SP disse que cabe ao juiz definir os procedimentos a serem adotados na audiência.

Num contraponto à acusação do promotor eleitoral Maurício Lopes, de que Tiririca fraudou a declaração em que afirma ser alfabetizado para concorrer ao cargo, a defesa afirma que o deputado federal eleito é alfabetizado, porém, admite que ele teve a ajuda da mulher para redigir o documento por ser portador de síndrome que o impede de unir o indicador e o polegar. Filiado ao PR, Tiririca foi eleito neste pleito pela coligação Juntos por São Paulo (PR/PT/PRB/PC do B/PT do B).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.