TRE cassa registro de candidato tucano em Sorocaba

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) cassou, por 5 votos a 1, o registro do candidato do PSDB a prefeito de Sorocaba, Luiz Leite, por infração à lei eleitoral. Leite, que é apoiado pelo prefeito Renato Amary (PSDB), participou da inauguração de uma escola na zona norte da cidade, em julho, no período da campanha eleitoral. O TRE acatou a representação do candidato a prefeito Caldini Crespo (PFL). Segundo a coligação partidária de Crespo, a lei proíbe a participação de candidatos em inaugurações. A coligação "Sorocaba do Amanhã" é composta pelos partidos PSDB, PDT, PL, PP, PSL e PTC e tenta manter um domínio de oito anos na política da cidade. Amary cumpre o segundo mandato seguido pelo PSDB. Advogados de Crespo juntaram à representação de Crespo fotos e fitas mostrando a inauguração da escola. Nas imagens, Leite aparece cumprimentando pessoas e Amary, em seu discurso, prega o incentivo à continuidade da sua administração, referindo-se ao candidato tucano. O advogado da coligação tucana, Lázaro Paulo Escanhoela Júnior, alegou na defesa que o candidato não teve participação política na inauguração, bem fez campanha naquele local. O TRE acatou o parecer da promotoria eleitoral no que se configurara o crime eleitoral. A coligação preparava hoje a defesa, que deverá ser protocolada até amanhã.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.