Traficante Abdiel Rabelo foge da prisão

O traficante Abdiel Rabelo, irmão do ex-deputado Jabes Rabelo, fugiu ontem junto com três presos de uma cela da Polícia Federal em Porto Velho (RO), três semanas depois de ter sido transferido do Complexo Penitenciário Francisco d´Oliveira Conde, em Rio Branco. Rabelo serrou a grade e desapareceu. O superintendente da PF no Acre, Ney Ferreira, acredita que o grupo tenha ido para a Bolívia.Rabelo é considerado o chefão do tráfico na região. Uma testemunha disse ao procurador Eliseu Buchmeier, do Ministério Público do Acre, que Rabelo integraria o Terceiro Comando (TC), uma facção do Primeiro Comando da Capital (PCC). O TC, segundo a testemunha, chegou a encomendar um carregamento de 500 quilos de dinamite para explodir o muro do presídio em Rio Branco e libertar Rabelo e outros detentos. O carregamento foi interceptado no começo do ano pela polícia de Rondônia. Rabelo foi transferido do Acre a pedido da Procuradoria-Geral da República, que temia onda de rebeliões e fugas no Estado. Ele foi preso pela segunda vez durante barreira da PF na BR 317, que liga a capital acreana ao Peru e à Bolívia, com 60 quilos de cocaína pura. Na primeira vez, Rabelo foi flagrado há dez anos, em São Paulo, com 500 quilos da droga.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.