Trabalho duro, para data festiva e nomear rua

Em contraste com o plenário em ritmo lento de votação, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara tem mostrado grande volume de trabalho - pelo menos em números. Na semana passada, a comissão aprovou 82 projetos de lei criando dias nacionais, dando nomes a rodovias, pontes e considerando personalidades heróis nacionais para inclusão no Panteão da Pátria. Na pauta, ainda está a criação do Dia do Quadrilheiro, entendido como o participante da dança tradicional das festas juninas.Os projetos são de caráter conclusivo e usualmente aprovados simbolicamente pelos deputados. Assim que o presidente Lula sancionar, o País passará a ter, por exemplo, o Dia da Integração Jurídica Latino-Americana (19 de agosto). Ontem foi aprovada a criação do Dia Nacional do Evangélico a ser comemorado em 30 de novembro.

, O Estadao de S.Paulo

27 de agosto de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.