TJ instala câmara para julgar prefeitos

O Tribunal de Justiça de São Paulo instalou esta semana a câmara especial para julgar crimes de prefeitos, ex-prefeitos e servidores públicos. A nova turma julgadora é formada por cinco desembargadores. No caso de serem considerados culpados, os réus estarão sujeitos à perda do mandato, a ficar inelegíveis por 5 anos ou ser obrigados a devolver aos cofres públicos o valor do desvio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.