Time da senadora promete debandada na base de Lago

Ansioso para recuperar o poder no Maranhão, o time de aliados da senadora Roseana Sarney (PMDB-MA) não perdeu tempo. Antes de mesmo de esgotadas as possibilidades de recurso do governador cassado Jackson Lago (PDT), políticos ligados à filha do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-MA), correram nos últimos dias para iniciar as articulações para compor o novo governo e formar sua base de apoio. Aliados de Roseana prometem articular uma debandada na atual base de Lago. Dos 46 deputados que compõem a Assembleia Legislativa, somente 16 estão alinhados ao grupo dos Sarney. O líder da oposição, deputado Ricardo Murad (PMDB), diz que já deu início às conversas com os governistas. "A maioria virá automaticamente para a nossa base", afirma o parlamentar. "A oposição a nós vai ficar do tamanho que sempre foi", completou, estimando em apenas três o número de deputados que firmarão posição clara contra o novo governo. Roseana deve começar a discutir já nos próximos dias a montagem da nova equipe de governo. Aliados negam que ela tenha dado indicações de quem pretende convocar, mas arriscam palpites. A expectativa, afirmam, é de que vários deputados estaduais sejam escalados. Além de Murad, cunhado da senadora, são citados Max Barros (DEM), Pedro Novaes e César Pires (DEM), Chico Gomes (DEM), Raimundo Cutrim (DEM), entre outros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.