Tião Viana é o substituto de Paim na comissão do mínimo

A líder do PT no Senado, Ideli Salvatti (SC), substituiu o senador Paulo Paim (PT-RS) pelo senador Tião Viana (PT-AC) na Comissão Mista destinada a examinar a medida provisória (MP) que fixou o salário mínimo em R$ 260,00. A líder destituiu Paim, alegando ter tomado a decisão política de afastar da comissão parlamentares contrários ao salário de R$ 260,00. Paim já antecipou que votará contra a proposta do governo e apresentou emenda propondo a fixação do mínimo em R$ 303,00. O bloco PT-PSB-PTB tem três vagas na comissão. Além de Tião Viana, participam da Comissão Mista a própria senadora Ideli Salvatti e o senador Sibá Machado (PT-AC), indicado pela líder para o lugar do senador Duciomar Costa (PTB-PA).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.