Tesoureiro nega que PT tenha sacado dinheiro no Banco Santos

O secretário de Finanças do PT, Delúbio Soares, disse, por meio da assessoria de imprensa do partido, que nunca foi feito saque na conta que o PT mantém no Banco Santos. Segundo assessores, Soares afirmou que a conta foi criada para receber depósitos de filiados para a aquisição da sede do partido, em São Paulo, mas esse projeto foi interrompido por causa da campanha eleitoral.A assessoria relatou ainda que Soares afirmou que o último depósito na conta foi feito no dia 27 de outubro, no valor de R$ 55,00 e que o total de dinheiro nessa conta é de R$ 47.548,48. Acrescentou que qualquer afirmação de que foi feito saque não corresponde à verdade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.