Temporão entra em nova guerra na Saúde

Depois da crise de 2008, por conta das críticas à direção da Funasa, o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, protagoniza nova disputa. Desta vez, com o presidente do Conselho Nacional de Saúde, José Batista Júnior. Em clima de guerra, Batista Júnior acusa Temporão de "desafiar o controle social" ao defender novo modelo de gestão para o setor, com fundação estatal. Para o ministro, o ataque é "descabido". "É uma proposta de governo", argumenta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.