''''Temos 46 votos na absolvição''''

O presidente do Senado, Renan Calheiros, negou que tenha trabalhado para fazer de Almeida Lima relator dos processos contra ele no Conselho de Ética. "Temos 46 votos na absolvição. Fica difícil saber quem é o principal aliado, ou quem é a vanguarda política", afirmou. "Eu não discuto nada desses processos no dia-a-dia", disse ainda o senador, que rejeitou a versão de que teria faltado isenção na indicação de Almeida Lima. "O importante é que o Conselho de Ética vote com seriedade."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.