André Dusek/Estadão
André Dusek/Estadão

Temer tem uma grande contribuição a dar ao País, diz Renan

Após afastamento do vice da articulação política, presidente do Senado diz que Casa o apoia para que cumpra 'seu melhor papel'

Ricardo Brito, O Estado de S. Paulo

25 de agosto de 2015 | 12h41

BRASÍLIA - Um dia após a decisão do vice-presidente Michel Temer de deixar o "varejo" da articulação política, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), afagou, nesta-terça-feira, 25, o peemedebista ao dizer que ele tem uma "grande contribuição a dar ao País".

"Ele (Temer) tem o nosso apoio para permitir que cumpra o papel que lhe possa ser eventualmente cobrado. Ele tem o nosso apoio para que possa cumprir o seu melhor papel", disse Renan, em entrevista na chegada ao gabinete.

O presidente do Senado disse ter conversado na segunda-feira, 24, com Temer, que, segundo ele, se mostrou disposto a ajudar. "É importante que nós possamos, neste momento de dificuldades, inclusive na área política, apoiar as pessoas que querem fazer o bem", afirmou. 

Insatisfação. Segundo Renan, Temer não lhe relatou na conversa nenhuma insatisfação com o PT. Nos bastidores, esse é um dos motivos alegados pelo vice e por aliados para a saída dele da função

Tudo o que sabemos sobre:
TemerRenanarticulação política

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.