Temer sofre tentativa de assalto em São Paulo

Homem abordou o carro do vice portando uma arma de brinquedo, segundo informações da assessoria de Temer

Gustavo Uribe / SÃO PAULO, Agência Estado

09 de julho de 2011 | 13h26

O vice-presidente da República, Michel Temer, sofreu uma tentativa de assalto, na noite do último dia 1º, na Avenida Cidade Jardim, no bairro do Itaim Bibi. Segundo informações da assessoria de imprensa do vice-presidente, a tentativa de assalto ocorreu quando ele se dirigia ao Aeroporto de Guarulhos para retornar a Brasília, no Distrito Federal.

 

O carro do vice-presidente era escoltado por mais dois veículos, que conduziam seguranças do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). Ao parar em um semáforo, um homem se aproximou do veículo onde estava Temer e bateu em um dos vidros. Ele teria indicado, segundo a assessoria de imprensa, que portava uma arma. O segurança que acompanhava o vice-presidente no veículo julgou a atitude suspeita e acionou os outros veículos.

 

Os demais seguranças saíram dos carros e abordaram o homem, que prontamente largou o artefato que carregava. A suposta arma, segundo a assessoria de imprensa, era um revólver de brinquedo. O vice-presidente não prestou queixa da tentativa de assalto. O veículo que transportava o vice-presidente era blindado e não estava identificado com placa oficial da Presidência da República.

Tudo o que sabemos sobre:
Michel TemerviolênciaSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.