Dida Sampaio|Estadão
Dida Sampaio|Estadão

Temer se reúne com senadores do PMDB pró-impeachment

Para o senador Blairo Maggi, presente à reunião, abertura do processo é oportunidade para o País discutir sobre o tema, independentemente se culminar ou não no afastamento de Dilma

Isadora Peron, O Estado de S.Paulo

09 de dezembro de 2015 | 17h22

BRASÍLIA - Cada vez mais distante da presidente Dilma Rousseff, o vice Michel Temer se reúne nesta quarta-feira,  9, com ala do PMDB no Senado favorável ao impeachment da petista.

"Há um processo de impeachment em curso e dentro da linha direta de sucessão, como determina a Constituição, o vice-presidente deve se preparar (para assumir o poder)", disse o senador Ricardo Ferraço (ES), ao chegar ao Palácio do Jaburu.

Já o senador Blairo Maggi (MT) defendeu que é favorável à abertura do processo, independentemente se ele culminar ou não no afastamento de Dilma. "Vai ser bom  para o Brasil discutir isso, porque nós não podemos ficar da forma como estamos, com um cadáver insepulto na sala. Ou a presidente tem os 171 para continuar no cargo ou terá de dar lugar para que o Brasil ande", disse.

Também participam do encontro os senadores Waldemir Moka (MS), Dário Berger (SC) e Simone Tebet (MS).

A cúpula do PMDB no Senado, porém, tem ficado ao lado de Dilma e chegou a críticar a carta enviada por Temer à presidente. Publicamente, lideranças da Casa declararam que o gesto do vice foi um "desabafo pessoal", mas, nos bastidores, as reclamações de que a petista nunca confiou no vice foram classificadas até como "infantis".

Nesta quarta, Temer ainda vai ter um encontro com a presidente. Mais cedo, o vice fez a sua primeira declaração pública sobre o impeachment. Para ele, a atual discussão do afastamento de Dilma mostra que as instituições brasileiras funcionam e que o País vive uma "normalidade democrática extraordinária".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.