Temer se reúne com aliados em residência oficial um dia após enviar carta a Dilma

Entre os participantes do encontro estão o ex-ministro da Secretaria de Aviação Civil Moreira Franco e os deputados Osmar Serraglio (PMDB-PR), Saraiva Felipe (PMDB-MG), Ronaldo Benedet (PMDB-SC), Leonardo Quintão (PMDB-MG), Carlos Marum (PMDB-MS) e Rogério Mendonça (PMDB-SC)

Bernardo Caram e Dida Sampaio, O Estado de S.Paulo

08 de dezembro de 2015 | 12h07

Brasília - No dia seguinte à divulgação de carta em que o vice-presidente Michel Temer se queixa de não receber confiança da presidente Dilma Rousseff, o peemedebista está reunido com colegas de partido. O encontro acontece nesta tarde no Palácio do Jaburu, residência oficial da vice-presidência.

Entre os participantes do encontro estão o ex-ministro da Secretaria de Aviação Civil Moreira Franco e os deputados Osmar Serraglio (PMDB-PR), Saraiva Felipe (PMDB-MG), Ronaldo Benedet (PMDB-SC), Leonardo Quintão (PMDB-MG), Carlos Marum (PMDB-MS) e Rogério Mendonça (PMDB-SC). A todo momento, carros de autoridades chegam ao local.

Nesta segunda, foi divulgada uma carta enviada por Temer a Dilma, na qual ele afirma que a presidente tem "absoluta desconfiança" de seu vice e do PMDB, além de dizer que ficou isolado durante todo o primeiro mandato da petista e que não foi consultado sobre medidas econômicas. "Sei que a senhora não tem confiança em mim e no PMDB, hoje, e não terá amanhã. Lamento, mas esta é a minha convicção", encerra o documento.

A agenda de Temer não prevê o encontro. Oficialmente, o único compromisso do vice-presidente nesta terça-feira é uma reunião às 17 horas com Flávio Amary, vice-presidente da Secovi-SP e Romeu Chap Chap, coordenador do Núcleo de Altos Temas do Secovi-SP.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.