Divulgação/Palácio do Planalto
Divulgação/Palácio do Planalto

Temer recebe ex-secretária de Direitos Humanos e lhe deseja sucesso na OEA

Presidente postou foto sorridente ao lado de Flávia Pìovesan, mesmo após receber críticas da ex-secretária

Carla Araújo, O Estado de S.Paulo

06 Novembro 2017 | 12h39

BRASÍLIA - O presidente Michel Temer (PMDB) recebeu a ex-secretária Nacional de Cidadania do Ministério dos Direitos Humanos, Flávia Piovesan, no Palácio do Planalto na manhã desta segunda-feira, 6. Depois do encontro, que não constava na agenda oficial, Temer e Flávia tiraram uma foto que foi publicada pelo presidente em seu perfil no Twitter. “Desejo sucesso à Flávia Piovesan, que representará o Brasil na Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA”, escreveu o presidente.

+++ 'Há derrotas e há avanços no governo', diz Flávia Piovesan

Flávia foi exonerada na semana passada do governo, “a pedido”, para assumir o cargo na Organização dos Estados Americanos (OEA). Nos últimos dias no cargo, a ex-secretária fez algumas críticas a políticas do governo, como a portaria que reduziria a fiscalização do trabalho em condições análogas à escravidão.

+++ 'Corrupção é afronta aos direitos humanos', diz Flávia Piovesan

Professora de Direito Constitucional e Direitos Humanos da PUC-SP, procuradora do Estado e eleita membro da Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA para mandato de 2018 a 2021, Flávia Piovesan chegou ao governo em maio do ano passado como titular dos Direitos Humanos (depois Cidadania), após o afastamento da presidente cassada Dilma Rousseff. Ela foi a primeira mulher a integrar o alto escalão do governo Temer, após críticas sobre o preenchimento dos ministérios apenas por homens.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.