Temer promete esforço por chapa PT-PMDB em 2014

O vice-presidente Michel Temer disse que haverá um esforço geral para revolver o impasse entre o PMDB e o PT do Rio de maneira a garantir o apoio do governador Sérgio Cabral e do Estado à reeleição da presidente Dilma Rousseff. Temer falou em "nossa chapa" ao comentar a campanha presidencial de 2014. Na semana passada, o PMDB nacional aprovou moção proposta pelo Rio de Janeiro que proíbe o partido de aceitar palanques duplos nos Estados. O PMDB-RJ ameaça retirar o apoio à reeleição da presidente se o PT não desistir da pré-candidatura do senador Lindbergh Farias ao governo do Estado.

LUCIANA NUNES LEAL, Agência Estado

07 de março de 2013 | 16h33

Os peemedebistas exigem apoio do PT ao vice-governador peemedebista Luiz Fernando Pezão, candidato escolhido por Cabral. "Tenho certeza que o governador Cabral, nossos agentes políticos aqui, com auxílio do PMDB nacional e do PT nacional, todos vamos chegar a uma composição em torno desse assunto e que o Rio de Janeiro, por meio do governador Cabral, vai continuar a apoiar, como apoiou, a nossa chapa", disse Temer em entrevista, depois de ministrar aula magna para alunos de Direito, Economia e Administração da Fundação Getúlio Vargas.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2014RioTemer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.