Temer fica em São Paulo e não participa de posse de Lula e de deputado do PMDB

Vice-presidente alega que decisão de Mauro Lopes de aceitar cargo no ministério de Dilma 'afronta' decisão do partido de não ocupar novos postos por 30 dias

Carla Araujo e Beatriz Bulla, O Estado de S. Paulo

17 de março de 2016 | 11h19

Brasília - O vice-presidente Michel Temer está em São Paulo, sem compromissos oficiais, segundo sua assessoria de imprensa. Com isso, ele não comparecerá à cerimônia de posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e nem do deputado peemedebista Mauro Lopes (MG), que assumirá a Secretaria de Aviação Civil.

A justificativa dada por assessores de Temer para a ausência do vice-presidente é de que a posse de Mauro Lopes "afronta" a decisão da convenção nacional do PMDB, tomada no sábado, de políticos do partido não assumirem novos cargos no governo Dilma durante o prazo de 30 dias. Durante esse período, a sigla pretende definir o desembarque ou não da gestão petista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.