André Dusek/Estadão
André Dusek/Estadão

Médicos avaliam se Temer deve passar por cateterismo

Em São Paulo, presidente revisa resultado de cirurgia de próstata e pode passar por cateterismo para desobstrução de artéria ainda nesta sexta

Tânia Monteiro, O Estado de S.Paulo

24 Novembro 2017 | 08h55

BRASÍLIA - O presidente Michel Temer deixou Brasília em direção a São Paulo por volta do meio-dia desta sexta-feira, 24, para consultas médicas no Hospital Sírio-Libanês. Ele deve passar por uma avaliação da cirurgia na próstata à qual foi submetido no último dia 27 de outubro. Os médicos também irão avaliar a possibilidade de o presidente realizar um cateterismo para a desobstrução de uma artéria — ainda hoje ou em data a ser definida.

+++ 'Devemos pregar o amor', diz Temer em Rondônia

+++ Entenda a 'obstrução urológica' que afetou Michel Temer

A Secretaria de Comunicação do Palácio do Planalto confirmou a ida de Temer ao Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, para as avaliações. Os exames já estavam previstos desde a internação do presidente no mês passado.

+++ Além do câncer: problemas na próstata atingem mais da metade dos homens com mais de 50

Mais conteúdo sobre:
Michel Temercateterismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.