Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Temer faz apelo à bancada por salário mínimo de R$ 545

No meio do debate do PMDB sobre reforma política, o vice-presidente da República, Michel Temer, fez um apelo à bancada para a aprovação, hoje, da proposta do governo de um salário mínimo de R$ 545. "Queria aproveitar para pedir unidade na votação de hoje. Claro que não quero influenciar ninguém, mas, se for possível, atender ao discurso do líder (do PMDB) Henrique Eduardo Alves, para que nós déssemos uma demonstração de que esta é uma bancada unitária. Nós temos uma posição agora unitária a favor (do governo), podemos ter lá na frente uma posição unitária contra. Mas temos que ter sempre unidade absoluta. Isso dá poder e força política ao partido e à bancada", afirmou Temer.

MARCELO DE MORAES, Agência Estado

16 de fevereiro de 2011 | 13h39

O líder do partido na Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (RN) disse que todos estão trabalhando com maior numero de votos a favor do governo. "Vocês vão se surpreender se pensam que a bancada do PMDB vai votar rachada. Vamos dar o maior numero de votos possível para o mínimo de R$ 545", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.