Técnicos de federais devem voltar ao trabalho na segunda

Resultados parciais das assembleias realizadas pelo País indicam que a maioria dos servidores técnico-administrativos das universidades federais deve voltar ao trabalho na próxima segunda-feira, 27.

AE, Agência Estado

22 de agosto de 2012 | 18h14

A Federação de Sindicatos de Trabalhadores das Universidades Brasileiras (Fasubra) recomendou o encerramento da greve e retorno ao trabalho na próxima semana, mas a decisão final será tomada nas assembleias estaduais que se encerram nesta quinta-feira, segundo informações da Agência Brasil.

De acordo com o comando nacional da categoria, até o início da tarde desta quarta-feira, 36 universidades se mostraram favoráveis à proposta do governo federal e 14, contra. A proposta prevê reajustes de 5% a cada mês de março nos próximos três anos, totalizando aumento de 15,8% até 2015. "A proposta ficou bem abaixo das nossas reivindicações. A categoria sairá da greve, mas continuará insatisfeita", disse Paulo Henrique Rodrigues dos Santos, integrante da coordenação geral da Fasubra, em entrevista à Agência Brasil. O Ministério do Planejamento anuncia impacto orçamentário de R$ 2,9 bilhões com a proposta de reajuste.

Tudo o que sabemos sobre:
greveservidoresfederaistécnicos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.