Tatiana seria namorada de Esdras Dutra Pinto

Tatiana Pereira da Silva, presa hoje de madrugada em Campinas acusada de participar do seqüestro de Patrícia Abravanel, filha de Silvio Santos, estava hospedada na casa de uma prima, na Rua das Túlias, no Jardim Conceição, próximo à Hortolândia. A jovem, de 18 anos, seria namorada de Esdras Dutra Pinto, irmão de Fernando Dutra Pinto, tido como mentor do seqüestro.Tatiana chegou ao local na última quarta-feira, alegando que passaria uns dias na cidade para procurar emprego. Sua prima, que mora com o marido e um filho pequeno, se surpreendeu com a prisão da jovem, denunciada pela mãe, Esmeralda.Tatiana, conforme a polícia, ajudou Luciana dos Santos Souza, a Jeniffer, namorada de Fernando, a manter Patrícia no cativeiro. Ela também seria responsável, junto com Luciana, pelo apoio operacional aos seqüestradores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.