Tasso retira sua pré-candidatura a presidente

O governador do Ceará Tasso Jereissati anunciou hoje, em Porto Alegre, a retirada de sua pré-candidatura à presidência da República pelo PSDB. A decisão do governador tucano foi chamada por ele de "suspensão" em virtude das futricas que estariam ocorrendo para disputa interna do partido. "Eu quero preservar o partido e, por causa disso, suspendo a campanha, para que o ministro José Serra, que é candidato em melhores condições, possa tentar se viabilizar".O próprio governador, entretanto, já sinalizou que se a candidatura do ministro da Saúde não decolar, ela poderá voltar a colocar o seu nome na disputa. "Vamos torcer para que o ministro Serra se imponha. Caso ele não decole, é importante que tome uma atitude como a minha".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.