Tarso transfere governo do RS para presidente do TJ

O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro (PT), deixou suas funções temporariamente, a partir desta segunda-feira (15), para se dedicar á campanha pela reeleição. Como o vice-governador Beto Grill (PSB) e o presidente da Assembleia Legislativa, Gilmar Sossella (PDT), também estão em campanha - o primeiro para deputado federal e o segundo por novo mandato de deputado estadual -, o cargo será exercido pelo presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, desembargador José Aquino Flôres de Camargo.

ELDER OGLIARI, Estadão Conteúdo

15 de setembro de 2014 | 18h14

A licença não remunerada do governador vai até 5 de outubro e pode ser prorrogada por mais três semanas se houver segundo turno na eleição estadual. Tarso está em segundo lugar em todas as pesquisas eleitorais. Nas mais recentes, divulgadas ma quinta-feira (11) pelo Grupo RBS, a vantagem de Ana Amélia Lemos (PP) sobre o governador é de 38% a 30%, pelo Ibope, e de 37% a 28% pelo Datafolha. A margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos nas duas sondagens.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.