Suspensa intervenção em Paranaguá

O desembargador Rosene Arão de Cristo, do Tribunal de Justiça do Paraná, anulou o decreto de intervenção em Paranaguá (PR), assinado pelo governador Roberto Requião (PMDB) na semana passada, por determinação da própria Justiça, em razão da falta de pagamento de precatórios trabalhistas. Para que o decreto fosse anulado, o município pagou pouco mais de R$ 34 mil devidos a um dos ex-funcionários.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.