Suspeito de participar do Mensalão sofre acidente em MG

Anderson Adauto, prefeito de Uberaba, em Minas, sofreu ferimentos leves após seu carro capotar em rodovia

Brás Henrique, do Estadão,

09 de setembro de 2007 | 16h30

O ex-ministro dos Transportes do governo Lula e atual prefeito de Uberaba, Minas Gerais, Anderson Adauto Pereira, sofreu um acidente na noite de sábado, 8, em Igarapava, na região de Ribeirão Preto. Por volta de 19h25, a Pajero dele, dirigida por sua mulher Ângela Mairink Pereira, perdeu o controle e capotou, no km 475 da antiga rodovia Anhangüera (SP-328), que dá acesso a Igarapava, perto da divisa dos estados de São Paulo com Minas Gerais.  O casal, que voltava para casa após um compromisso particular, e mais a assessora de imprensa de Pereira sofreram ferimentos leves. Os três foram atendidos inicialmente na Santa Casa de Igarapava e depois num hospital de Uberaba, onde fizeram exames mais cautelosos, como raio X e até tomografia computadorizada.  Anderson Adauto é um dos suspeitos de envolvimento no escândalo do Mensalão e, por isso, responde a processo no Supremo Tribunal Federal (STF).

Mais conteúdo sobre:
MensalãoAnderson Adauto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.