Suspeita sobre patrocínio do BB é palhaçada, diz Genoino

O presidente nacional do PT, José Genoino, afirmou hoje que não vê problema no fato de os cantores Zezé di Camargo e Luciano estarem pleiteando patrocínio de R$ 5 milhões do Banco do Brasil para bancar uma turnê da dupla sertaneja pelo País. Os partidos de oposição suspeitam que a dupla fez dois shows, um em São Paulo e outro em Brasília, para arrecadar recursos para a compra da sede do PT, em troca da promessa de patrocínio do BB. Para Genoino, essas suspeitas são uma ?discriminação e uma palhaçada?. ?Quantos artistas fizeram campanha para o Fernando Henrique Cardoso? Vários fizeram campanha e vários fizeram também propaganda para o governo?, argumentou o presidente do PT, que preferiu não citar os nomes dos artistas que trabalharam para o governo passado. Genoino observou ainda que Zezé di Camargo e Luciano são ?amigos do PT?. ?Eles não estão impedidos de serem amigos do PT e concorrerem a um patrocínio do Banco do Brasil?, disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.