Surto de conjuntivite surpreende Praia Grande

Se o atendimento às pessoas que contrairam conjuntivite nos últimos dias em Praia Grande já estava complicado por causa do elevado número de doentes - 1.500 nos últimos dez dias - a situação piorou ainda mais porque metade dos funcionários dos prontos-socorros também ficou doente e está faltando ao serviço.O surto de conjuntivite pegou a prefeitura de surpresa e médicos têm feito plantões extras. "Se necessário, estamos recomendando que se façam consultas coletivas", informou o secretário de saúde local, Eduardo Dall´Acqua, preocupado com o grande número de pessoas que procura os prontos-socorros. Um outro problema que surgiu é a emissão de atestados médicos para trabalhadores e estudantes. "Os atestatadospodem ser fornecidos por qualquer médico da rede pública", lembrou o secretário.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.