RODOLFO BUHRER|Reuters
RODOLFO BUHRER|Reuters

Supremo julga habeas corpus de Marcelo Odebrecht na próxima terça

Preso desde junho do ano passado, o executivo foi condenado esta semana, pelo juiz federal Sérgio Moro, a 19 anos e 4 meses de prisão por corrupção, lavagem de dinheiro e associação criminosa

Isadora Peron, O Estado de S. Paulo

11 de março de 2016 | 17h16

Brasília - O Supremo Tribunal Federal (STF) vai julgar na próxima terça-feira, 15, o pedido de liberdade de Marcelo Odebrecht, ex-presidente maior empreiteira do País. O habeas corpus foi colocado na pauta da 2ª Turma nesta sexta pelo relator da Lava Jato no Supremo, o ministro Teori Zavascki.

Preso desde junho do ano passado, Odebrecht foi condenado esta semana, pelo juiz federal Sérgio Moro, a 19 anos e 4 meses de prisão por corrupção, lavagem de dinheiro e associação criminosa. 

Em janeiro, em uma decisão monocrática, o presidente STF, Ricardo Lewandowski, havia negado o pedido de liberdade de Marcelo Odebrecht. Na decisão, o ministro afirmou que o empresário poderia obstruir as investigações da Operação Lava Jato se fosse solto.

Na mesma sessão, também será analisado os pedidos de liberdade de outros dois ex-diretores da empreiteira: Márcio Faria da Silva e Rogério Araújo. Os executivos também foram condenados esta semana e terão de pagar a mesma pena e pelos mesmos crimes de Marcelo Odebrecht. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.