Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Suassuna quer saber quem ganhou com alta do dólar

O senador Ney Suassuna (PMDB-PB) apresentará na próxima semana requerimento à Comissão de Economia do Senado pedindo informações ao Banco Central e à Bolsa de Mercadoria e Futuros (BMF) sobre quem ganhou e quem perdeu com a alta do dólar nos últimos dias. "Alguns espertinhos fizeram subir o dólar, numa operação envolvendo poucos bancos, conhecida no mercado como "Zé com Zé", onde os bancos compram e vendem entre si com o objetivo de criar desespero no mercado", disse Ney Suassuna, afirmando que a previsão de cotação do dólar para setembro, feita pela BMF, era de R$ 2,95. Em seu requerimento, o senador vai pedir os boletos de quem ganhou ou perdeu nesta semana. "Posso estar equivocado, mas a minha obrigação é pedir essas informações para saber quem está manipulando o mercado financeiro", ressaltou Ney Suassuna ao acrescentar que há suspeitas de que a responsabilidade seria de grandes instituições financeiras brasileiras. "Não é possível o dólar disparar da noite para o dia. As conseqüências disso são imediatas para a população e para todos os que têm dívida em dólar a pagar. Somente ganha quem tem capacidade de manobra", declarou. Suassuna disse também que, se o Banco Central e a BMF alegarem reserva de sigilo para não fornecer essas informações, ele pedirá abertura de inquérito. Suassuna também destacou a necessidade de o Brasil ter uma legislação mais rigorosa para penalizar quem manipula o mercado financeiro. "Não é possível levar o país à loucura para que poucos, na ganância, venham a lucrar".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.