STJ recebe novo processo contra Roriz

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) recebeu um novo processo contra o governador do Distrito Federal Joaquim Roriz (PMDB). O Ministério Público Federal (MPF) encaminhou uma representação porque, segundo a instituição, o governador não atendeu aos pedidos de informação remetidos ao gabinete dele. Os dados seriam usados na investigação sobre o uso de verbas federais repassadas ao governo do Distrito Federal pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para a compra de merenda escolar. De acordo com o Ministério Público, o governador nega-se a atender aos pedidos, condicionando-os à solicitação do procurador-geral da República, Geraldo Brindeiro.Segundo o tribunal, quem recusar, retardar ou omitir dados técnicos indispensáveis para apresentação de ações pode ser punido com um a três anos de reclusão mais pagamento de multa. O STJ informou que esse não é o único processo envolvendo Roriz. Grilagem e ameaça a petistas são algumas das denúncias que estão sendo apuradas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.