STJ pede autorização para processar governador do ES

O ministro Humberto Gomes de Barros, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), pediu autorização à Assembléia Legislativa do Espírito Santo para processar o governador José Ignácio Ferreira. Gomes de Barros é relator da petição encaminhada ao STJ pela Companhia de Notícias Consultoria, de São Paulo, e o jornalista João Batista Rodarte, segundo a qual o governador teria difamado a empresa. Conforme os autores da petição, que prestam assessoria de imprensa à prefeitura municipal de Vitória, o governador teria atribuído à Companhia de Notícias o apelido de "geradora de factóides", e teria responsabilizado a empresa e a Rodarte "por todas as denúncias de corrupção veiculadas contra o governador do Espírito Santo".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.