STF suspende pagamento de 6 servidores de SP

O ministro Moreira Alves, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu o pagamento de R$ 1 milhão em salários a seis servidores aposentados da Câmara Municipal de São Paulo. Moreira Alves concedeu uma liminar contra decisões da Justiça paulista que garantiam aos inativos tutela antecipada (quando um pedido é atendido antes do julgamento final da ação). Os aposentados encaminharam a ação à Justiça porque querem que as vantagens pessoais conquistadas por eles sejam excluídas do limite de teto salarial. Com a exclusão, os inativos poderiam receber o teto, mais as vantagens.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.