STF pede que governo mexicano se pronuncie sobre Gloria Trevi

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Marco Aurélio Mello, solicitou nesta sexta-feira ao ministro da Justiça, Paulo de Tarso Ribeiro, que encomende ao governo mexicano uma manifestação formal sobre o caso da cantora Gloria Trevi. O STF aguarda uma resposta oficial para avaliar pedido de libertação da cantora, feita esta semana por seus advogados depois de a justiça mexicana cancelar pedido de extradição de Trevi. A Justiça mexicana considerou inconstitucional a extradição da cantora, acusada de rapto e corrupção de menores. O STF já havia determinado aos advogados de Trevi que apresentassem a recente decisão judicial traduzida. Trevi, que engravidou no ano passado enquanto estava sob a custódia da Polícia Federal, permanece presa em uma delegacia de Brasília.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.