Beto Barata/Estadão
Beto Barata/Estadão

STF pede parecer do MP sobre transferência de Valério

Depois de analisar documento, Barbosa decidirá se empresário vai para presídio em Belo Horizonte

FELIPE RECONDO, Agência Estado

30 Dezembro 2013 | 17h17

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, pediu ao Ministério Público que, em três dias, envie parecer sobre o pedido de transferência feito pelo empresário Marcos Valério para Belo Horizonte (MG). Somente depois de analisado o parecer, Barbosa decidirá se autoriza a transferência de Valério, preso no complexo penitenciário da Papuda, em Brasília, para Belo Horizonte.

Valério cumpre pena de 37 anos e 5 meses pela prática dos crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e evasão de divisas por envolvimento no mensalão. De acordo com a acusação, Valério era o operador do esquema de corrupção, ocorrido no governo de Luiz Inácio Lula da Silva.

Preso em Brasília desde 15 de novembro, Valério pediu na semana passada transferência para o presídio Nelson Hungria, na região metropolitana de Belo Horizonte. A defesa de Valério argumenta que a família tem arcado com altos custos para visitá-lo na cadeia.

Para o mesmo presídio foram também transferidos dirigentes do Banco Rural - José Roberto Salgado e Vinícius Samarane. Do total de presos, sete já foram transferidos.

A pena total imposta pelo Supremo a Valério foi de 40 anos, 4 meses e 6 dias. A condenação pelo crime de formação de quadrilha ainda é contestada em recurso da defesa. Por essa razão, ele cumpre as penas pelos outros quatro crimes praticados.

Mais conteúdo sobre:
mensalão marcos valério

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.