STF nega recurso de citado no caso Unaí

O STF rejeitou habeas corpus em favor de Humberto Ribeiro dos Santos, citado na chacina de Unaí. Ele queria responder ao processo em liberdade. Humberto teria sido contratado para sumir com registro de hóspedes do Hotel Athos, que apontava a estada de um envolvido no crime. Em janeiro de 2004, três fiscais do trabalho e um motorista foram executados a tiros enquanto fiscalizavam denúncia de trabalho escravo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.