STF nega liminar a Pinheiro Landim

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso Mello negou liminar ao deputado Pinheiro Landim (sem partido-CE), que queria paralisar os trabalhos da Comissão de Sindicância da Câmara, que investiga suposta participação dele no comércio de habeas-corpus para traficantes. Além disso, no Supremo tramita o inquérito que investiga criminalmente essa denúncia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.