STF nega liberdade ao ex-juiz Nicolau

O Supremo Tribunal Federal (STF) arquivou anteontem pedido de habeas corpus do juiz do trabalho aposentado Nicolau dos Santos Neto, condenado a 26 anos e meio de prisão por desviar R$ 169 milhões da construção do Fórum Trabalhista de São Paulo. A decisão é da ministra Cármen Lúcia. Nicolau, de 80 anos, está em regime de prisão domiciliar e, segundo sua defesa, tem problemas de saúde. Pedido semelhante já havia sido negado pela 1ª Vara Federal Criminal em São Paulo, pelo Tribunal Regional Federal (TRF) da 3ª Região e pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.