STF analisará denúncia contra 'mensaleiros' em 22 de agosto

Entre os envolvidos estão José Dirceu, José Genoino, Delúbio Soares e Duda Mendonça e Roberto Jefferson

Felipe Maia, da Agência Estado,

26 de julho de 2007 | 14h28

O Supremo Tribunal Federal (STF) marcou para o período entre 22 e 24 de agosto a análise da denúncia do procurador-geral da República, Antônio Fernando de Souza, sobre os acusados de envolvimento no esquema do mensalão. O STF vai decidir se acolhe ou não a denúncia que envolve 40 pessoas que teriam se beneficiado do pagamento de uma mesada para a base aliada do governo federal em troca de apoio nas votações do Congresso.   Caso a denúncia seja acolhida, os denunciados serão considerados réus de uma ação penal. Entre os envolvidos estariam o ex-ministro José Dirceu, o deputado José Genoino (PT-SP), o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares e o ex-marqueteiro do partido Duda Mendonça, além do ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ), autor das denúncias. O relator do inquérito é o ministro Joaquim Barbosa.

Tudo o que sabemos sobre:
mensalãoSTF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.