STF aceita segunda denúncia contra Marcos Valério

O Supremo Tribunal Federal (STF) acolheu na sessão de hoje a segunda denúncia contra o empresário Marcos Valério. O tribunal aceitou a denúncia do procurador-geral da República, Antonio Fernando Souza, contra Valério por peculato no caso do desvio de recursos do Fundo Visanet, que tem entre seus acionistas o Banco do Brasil, para as suas agências de publicidade. Além disso, o STF aceitou denúncia contra Henrique Pizzolato, ex-diretor de marketing do BB, e Ramon Hollerbach Cardoso e Cristiano Mello Paz, ex-sócios do publicitário. O Supremo, entretanto, rejeitou a denúncia contra o advogado Rogério Tolentino, pois teria ficado provado que ele não era sócio do publicitário e sua conduta não foi suficientemente descrita pelo procurador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.