SP tem a maior taxa de casos novos de câncer do País

Em levantamento divulgado hoje pelo Instituto Nacional de Câncer (Inca), a cidade de São Paulo apresenta a maior taxa média anual de casos novos de câncer registrados entre os homens no país: 391 por 100 mil habitantes. A incidência no sexo feminino também é alta na capital paulista: 321,5 casos, a segunda maior taxa da lista, liderada pelo Distrito Federal.As informações, reunidas na publicação Registros de Câncer de Base Populacional, foram coletadas em 16 localidades do País, no período entre 1991 e 2000. O estudo mostra que os tipos de câncer mais incidentes entre os homens são próstata, pulmão e estômago. Já entre as mulheres, os mais freqüentes são mama, colo do útero e cólon/reto.Segundo Gulnar Mendonça, do Inca, a pesquisa revela uma relação entre desenvolvimento e incidência de câncer. ?As áreas mais urbanizadas apresentam o maior número de casos novos. Sabemos que houve um aumento de diagnósticos, mas precisamos investigar se o aumento da doença foi real e detalhar as causas disso?, observou, citando como hipótese os hábitos dos moradores das metrópoles, geralmente de risco, como uso de cigarro, bebida e sedentarismo.Hoje, Dia Nacional de Combate ao Câncer, o ministro da Saúde, Humberto Costa, atribuiu ontem o crescimento da doença no País à falta de informação. Só este ano, 402 mil novos casos devem ser registrados no Brasil e são esperadas 126 mil mortes, segundo o Inca.?Muitos casos de câncer podem ser prevenidos com ações de esclarecimento à população e com mudanças no estilo de vida. As pessoas precisam conhecer mais sobre a doença e o poder público precisa transmitir mais informações?, disse o ministro, em visita ao Inca.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.