SP tem 10 casos de dengue contraídos na própria cidade

A capital paulista acumula 276 casos confirmados de dengue: 10 transmitidos na cidade (chamados autóctones) e 266 importados, segundo balanço da Secretaria Municipal da Saúde. Os primeiros casos autóctones da doença no município - quatro ao todo - foram confirmados há duas semanas. Não havia dengue autóctone na capital desde julho do ano passado. Também há quinze dias, eram 149 os casos importados de dengue. No Rio, o Estado já contabiliza 33.671 casos de dengue desde janeiro, com 577 formas hemorrágicas e 14 mortes. Esse novo balanço divulgado ontem confirma que essa epidemia é a segunda maior da história no Rio, perdendo apenas para a ocorrida em 1991, quando foram registrados cerca de 54 mil casos nos primeiros dois meses do ano. A cidade do Rio continua a recordista em casos no Estado, com 10.264 até ontem, 232 do tipo hemorrágico e 11 mortes. ParanáNo Paraná, a dona de casa Patrícia da Silva Moreira, de 24 anos, que estava se mudando de Tangará da Serra (MT) para Maringá, no norte do Paraná, pode ser a primeira vítima de dengue hemorrágica no Estado. No Paraná, foram registrados 117 casos de dengue clássica este ano. Em Pernambuco, os casos da dengue clássica confirmados, no Recife, desde o início do ano já são superiores ao total de casos da doença registrados em todo o ano passado. De acordo com a Secretaria de Saúde, até ontem haviam sido confirmados 2.807 casos da dengue clássica, enquanto em 2001 ocorreram 2.530.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.