Soninha Francine (PPS) não desiste da Prefeitura de SP

A ex-vereadora Soninha Francine, do PPS, disse hoje que não desistirá da sua candidatura à prefeitura de São Paulo mesmo que o ex-governador José Serra entre na disputa. Ela afirmou que poderá eventualmente apoiar o ex-governador caso ele chegue ao segundo turno, sem que ela, evidentemente, esteja na disputa. "Eu quero ser prefeita. Caso eu não chegue ao segundo turno e o Serra sim, vou apoiá-lo, mas não vou desistur da candidatura.

WLADIMIR D´ANDRADE, Agência Estado

18 de fevereiro de 2012 | 03h19

De acordo com Soninha, a possibilidade de o ex-governador se candidatar a prefeito se deve ao cenário "preocupante" para o PSDB. O prefeito Gilberto Kassab, tradicional aliado de Serra, vem flertando uma aliança com o PT, o maior rival dos tucanos e que tem o ex´-presidente Lula em intensa campanha pelo ex-ministro da Educação, Fernando Haddad. "Até dezembro, eu apostava que o Serra não seria candidato. Mas ele está vendo um cenário muito preocupante para o PSDB". Ela disse ver sua chance na eleição para a prefeitura diminuir caso Serra também seja candidato.

Segundo Soninha, seu melhor desempenho nas pesquisas eleitorais ocorre quando o ex-governador não está relacionado com os candidatos. "Minhas chances são menores com o Serra, mas esta vai ser uma eleição maluca e imprevisível" disse, otimista, antes de subir para o quinto carro da escola Vai-Vai, que acaba de iniciar seu desfile.

Tudo o que sabemos sobre:
Carnaval 2012Soninha Francine

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.